Madri quer banir o “manspreading” em transportes públicos

Campanha quer coibir homens que sentam com as pernas abertas e atrapalham outros passageiros

Se você é um homem pensando em visitar Madri, é melhor tomar cuidado com a maneira como se senta nos transportes públicos.

Oficiais da capital espanhola anunciaram recentemente que querem coibir homens que se sentam com as pernas abertas no metrô, trens e ônibus da cidade (uma atitude conhecida internacionalmente como “manspreading” e considerada ofensiva por muitas pessoas). A campanha foi inspirada em um movimento desencadeado pelo grupo feminista Mujeres en Lucha na internet.

A campanha teve grande repercussão nas mídias sociais e fez com que a Empresa Municipal de Transportes de Madri (EMT) tomasse uma atitude. Diversos cartazes serão colados em todos os transportes públicos da cidade para que os homens propensos ao “manspreading” abandonem a prática e respeitem o espaço de outros passageiros.

Madri não é a primeira cidade a tentar abolir a prática. Em 2014, a cidade de Nova York realizou uma campanha contra o “manspreading” batizada de “Dude, stop the spread please” (“Cara, por favor, feche as pernas”, em tradução livre). 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s