Lugares inusitados para você conhecer e ainda aprender inglês

Quem disse que só dá para aprender inglês nos EUA, Inglaterra e Oceania? Veja dicas pra você dar um gás no idioma e, de quebra, conhecer lugares lindos

Ilha de Malta

Vista para o mar sem praia, com uma cidade à distância

(David Forsman/Flickr)

“Soa diferente, mas estudar inglês em Malta é ótima opção pra quem quer aproveitar o verão nas praias do Mediterrâneo, provar uma gastronomia impecável e economizar uns 20% na matrícula de um curso, em comparação com cidades clássicas. Com pouco mais de 6 mil habitantes, a capital Valletta é uma linda cidade fortificada.”

Playa del Carmem

Vista aérea do praia, com metade da foto encoberta por ondas suaves do mar azul

(One Welly/Flickr)

“Bem próxima da turística Cancún, é comum encontrar europeus e americanos que querem desenvolver o espanhol. Dá para participar de cursos com duração de meio período do dia e, de quebra, fazer novas amizades e praticar inglês e espanhol.”

Victoria, Canadá

Fachada de um castelo de pedra bem conservado, de estilo clássico

(David Abercrombie/Flickr)

Vancouver, no Canadá, é muito procurada para estudar inglês. Mas poucos conhecem Victoria, um achado a duas horas de lá. Com castelos como o Craigdarroch (foto) e o Hatley e belos caminhos no Buchart Gardens, Victoria é perfeita para quem quer uma viagem contemplativa mesclada com um gás no inglês, com um curso de Power Speaking.”

Honolulu

pranchas de surfe de vários tamanhos enfileiradas de pé, unidas por uma corda que envolve toda a fila

(Jason Waterhouse/Flickr)

“Experimente um curso de inglês combinado com aulas de surfe, independentemente do seu nível de conhecimento em ambos. Aproveitando que as ondas havaianas são mais amigáveis no verão, dá para conciliar as semanas de férias com uma incursão pelas ondas e, ainda, dar um up no nível de proficiência do inglês.”

Riviera Inglesa

Imagem de uma cidade litorânea, com uma roda gigante no cais e barcos aportados. As casas ficam sobre uma colina no lado direito

(Cliff Spittle/Flickr)

“É uma das joias da coroa, escondida no sudoeste da ilha. Cidades pacatas, como Torquay e Torbay, são boas pra aprender inglês à beira-mar, em meio à cultura britânica. Ambas oferecem a estudantes de todas as idades um ambiente charmoso. E Torquay é onde nasceu a escritora Agatha Christie.”

Esse texto foi publicado na edição 257 da revista Viagem e Turismo (março/2017)

Autora do texto

As sugestões são de Santuza Bicalho, diretora da unidade de cursos no exterior da CVC (Divulgação/Divulgação)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s