Garota defende-se de mordida de jacaré em Orlando e sobrevive

Juliana Ossa, de 10 anos, usou técnica que aprendeu em parque de Orlando para fazer o jacaré "desistir" do ataque e levou pontos na perna pela mordida

Juliana Ossa, uma menina de 10 anos, conseguiu se defender de um jacaré que a mordeu na perna, no Moss Park, em Orlando, Estados Unidos, no último sábado (6), e sobreviveu ao ataque.

A garota estava nadando em um dos lagos do parque com a água para baixo da cintura e a cerca de 10 metros da margem, quando um jacaré de 2,5 metros abocanhou sua perna, na altura do joelho. Ela tentou bater no réptil para desvencilhar-se da mordida, mas não adiantou.

Foi então que ela lembrou-se do que havia aprendido quando fez uma visita com a escola a outro parque da Flórida, o Gatorland, sobre como se defender de um ataque de jacaré. Rapidamente, a garota tapou as narinas do bicho, e ele precisou soltar a perna da garota para respirar pela boca.

O jacaré fugiu e logo em seguida, Juliana foi resgatada por uma equipe de funcionários do parque. Ela foi levada a um hospital e precisou levar alguns pontos na perna, mas não teve lesões mais graves.

E o jacaré? Foi capturado por autoridades e morto, seguindo uma prática comum da Comissão para Conservação da Vida Selvagem e Peixes da Florida quando humanos são atacados por animais selvagens no estado. De acordo com o órgão, já ocorreram 388 ataques com mordidas de jacarés a pessoas na Flórida desde 1948. Dentre eles, 24 foram fatais.

O jacaré que atacou a criança foi morto pelo órgão de controle a animais selvagens da Flórida (George Walrath Alligator Services and Processing/Reprodução)

O Lago Mary Jane, onde a menina foi atacada, está temporariamente fechado para banhistas. O Moss Park, a sudeste de Orlando, é uma das áreas de camping com lago e atividades ao ar livre, em que é possível estacionar motorhomes, ao estilo norte-americano de se integrar à natureza.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s