Valle de Colchagua

Site: http://www.gobernacioncolchagua.gov.cl/

População: 200.000 hab

Fuso horário: -1h (horário de Brasília)

Distância de outras cidades: San Fernando: 40 km; Santa Cruz: 42 km; Santiago: 180 km.

Videiras centenárias e fazendas encantadoras formam a paisagem deste bonito vale ao sul da capital chilena, uma das zonas agrícolas mais promissoras do país.

Os produtores do Valle de Colchagua, interessados em obter vinhos da mais alta qualidade, vêm utilizando sofisticadas técnicas de manuseio dos vinhedos, incluindo o mapeamento por satélite, o plantio em encostas e o uso de clones.

Ao que parece, acertaram. Os rótulos que nascem ali são cada vez mais premiados. O Colchagua, que significa “pequenas lagunas” em mapuche, tem a mais bem organizada rota de vinho do país, que inclui uma divertida excursão com o Tren del Vino, uma locomotiva que faz a delícia dos turistas mais nostálgicos.

COMO CHEGAR

Partindo da capital Santiago, há trens da Ruta Del Vino que chegam até a região pelo menos um sábado por mês. Os trens convencionais da Terrasur levam o turista até a cidade de San Fernando, de onde é possível pegar um táxi até as atrações locais.  

ATRAÇÕES

As vinícolas são o principal atrativo da região. Os passeios pelos parreirais são guiados, com degustação inclusa. A estrutura das bodegas inclui restaurante, onde é possível almoçar enquanto se prova os rótulos. A Casa Silva, por exemplo, é totalmente voltada para a atividade familiar, além de ser considerada a mais antiga da região. Um de seus grandes atrativos é a coleção de carros antigos exposta na propriedade. 

Na Casa Lapostolle, a chave é a sofisticação, com práticas sustentáveis durante o processo de produção dos vinhos. Há, ainda, outras opções como a Santa Cruz, a Viu Manent e a Caliterra

Atualizado em 14/10/2015.

LEIA MAIS:

 Guia de viagem: Chile

 As mais belas vinícolas da América do Sul

 Miniguia de viagem sobre as vinícolas do Chile

 As melhores vinícolas de Mendoza, Argentina

Informações ao viajante

Línguas: Espanhol


Melhor época para visitar: O ano todo

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s