Hambúrguer, milk shake e hot dog: o melhor do fast food em NY

Onde comer comer os melhores sanduíches, com ou sem carne, a partir de US$ 1,50!

Aviso importante, este é um post bem gordinho e, se você estiver de dieta, talvez seja melhor ler os textos antigos, sobre passeios, hospedagem ou passagem barata.

Dito isso, quando algum amigo está com viagem marcada para cá, a pergunta “Qual é o melhor hambúrguer?” sempre vem a tona. E, felizmente, tenho a resposta na ponta da língua: Super Duper, de San Francisco!

Sim, o meu sanduíche predileto não está em Nova York, porém, aqui há vários lanches excelentes, inclusive o meu segundo favorito, e o terceiro, e o quarto… E até ótimas opções vegetarianas! Pegue um guardanapo e anote aí!

Hamburguerias em Nova York

Por US$ 11 você pode comer o maravilhoso “Bacon, egg and cheese” do Whitmans, que, como o nome dá a entender, é um pão de batata com hambúrguer de acém, queijo, ovo da gema molinha e bacon. É incrivelmente suculento e saboroso.

Não gosta de algum desses ingredientes? Não tem problema, eles servem outros sanduíches com frango, carne desfiada, só queijo ou vegetais  e podem adicionar o ótimo bacon da casa em qualquer um deles.

Mas se você é vegetariano ou gosta de superar preconceitos, precisa conhecer o Superiority Burger, feito com quinoa e acompanhado por saladinha, tomate seco e, se quiser, queijo, por US$ 6. Sério, ele agrada até o mais carnívoro entre os amigos.

Os outros hambúrgueres que sempre recomendo em Nova York são:

  • Shake Shack, de preferência acompanhado por um dos maravilhosos milk shakes da rede – o de morango é o meu favorito. Ele está presente em vários endereços, mas a qualidade do atendimento e da comida variam, então, indico as unidades ao lado do Barclays Center e a no Madison Square Park.
  • JG Melon, excelente para ir depois de shows, peças ou espetáculos da Broadway, visto que ele fica aberto até as 2 da manhã, servindo sanduíches e pratos muito saborosos, em especial os hambúrgueres. A decoração do restaurante é divertida, com várias peças com a temática melancia, o público é majoritariamente local e as sobremesas servidas são da Magnolia Bakery  sim, tem o famoso Banana Pudim! Mas leve dinheiro, porque eles não aceitam cartões.
  • Five Guys, é bem mais ogro que os demais e um clássico fast food. Tem um pertinho da B&H, onde brasileiros amam comprar eletrônicos, mas o mais gostoso, na minha opinião, fica no Brooklyn, perto do Prospect Park (Na 7 Av.).
  • Burger Joint, já foi melhor e inclusive figurava como o primeiro da minha lista há uns dois anos, porém, com a fama e as filas, perdeu um pouquinho do sabor (a última vez que comi, achei bem sem sal). De qualquer forma, a experiência de entrar no chique Le Parker Meridien e “descobrir” uma hamburgueria sem frescura, numa salinha atrás das cortinas, continua divertida. E ele fica perto do MoMA.
Se estiver em NY dia 4 de julho, Independence Day, pode ir para Coney Island acompanhar a competição do Nathan's, e ver quem come mais hot dogs.

Se estiver em NY dia 4 de julho, Independence Day, pode ir para Coney Island acompanhar a competição do Nathan’s, e ver quem come mais hot dogs. (Michael Tap/ Flickr/ Creative Commons)

Hot Dogs em Nova York

O mais famosos de Nova York, o Nathan’s, fica em Coney Island e realiza um concurso anual de “quem come mais hot dogs em uma hora”. Você não precisa ir até lá para experimentá-lo, já que ele é uma rede e está presente em muitos outros endereços, como no outlet Jersey Gardens.

O meu favorito, porém, é o Gray’s Papaya, que fica perto do Museu de História Natural e do Central Park é bem pé sujo – você pede no balcão, come em pé e segue em frente.

Além dos sanduíches, que custam US$ 1,50, ele serve algumas bebidas docinhas e gostosas, como a Pina colada e o Coconut Champagne, ambos sem álcool.

Vale lembrar que, aqui, hot dog é só a salsicha frankfurter e o pão, quando muito, com relish, queijo derretido, uma conserva de repolho ou um molho com carne moída picante.

Se quiser mais opções de acompanhamento, porém, você pode ir ao Crif Dogs, que tem até salsicha vegetariana. No East Village, ele fica em uma pequena salinha no subsolo, onde poucas mesas e cadeiras dividem espaço com um fliperama e uma cabine telefônica antiga que… É a porta de entrada para um bar super concorrido, o Please don’t tell. Mas isso é assunto para outro post 😉

Delivery e cupons de desconto

A maioria dos lugares que citei tem delivery. Ou seja, naquele dia que você estiver exausto de tanto andar pela cidade, pode pedir o jantar no quarto do seu hotel. E com desconto.

Sim, nos EUA há cupons para TUDO e eu uso bastante, afinal, é um bom jeito de economizar. Se você também quiser aproveitar, seguem duas sugestões:

  • UberEats – tem as fotos mais bonitas, uma boa variedade de restaurantes e é bem prático de usar. Se você colocar o código eats-v2sz9 em seu primeiro pedido, ganha US$ 15 de desconto.
  • Seamless – é o site e aplicativo com mais opções ever! Ao se cadastrar, você ganha US$ 7 para usar em sua primeira compra.

Gostou das dicas? Tem mais sugestões de comidinhas em Nova York por menos de US$ 10 no #nyc10orless 🙂

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s